Barra Cofina

Correio da Manhã

Mundo
8

Israel anuncia retirada de tropas e libertação de presos

Israel aprovou esta quinta-feira a retirada de tropas da Cisjordânia, bem como o plano de libertar 900 prisioneiros palestinianos, num gesto que faz avançar o processo de paz na região, poucos dias antes de um encontro entre o primeiro-ministro israelita, Ariel Sharon, e o presidente da Autoridade Palestiniana, Mahmud Abbas, em Sharm el-Sheikh, no Egipto.
3 de Fevereiro de 2005 às 14:35
Como gesto de boa vontade para o processo de paz no Médio Oriente, Telavive vai conduzir uma retirada militar de posições de cinco cidades palestinianas, afirmou uma responsável governamental israelita à agência Reuters, que pediu para não ser identificado.
A libertação de 900 prisioneiros palestinianos é outra das medidas que vai ser apresentada pelos israelitas na cimeira ao mais alto nível entre os dois líderes, que se realizará no Egipto, na próxima terça-feira. Ainda se desconhece a data para a libertação dos prisioneiros.
Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)