Barra Cofina

Correio da Manhã

Mundo
8

Itália: Chamar alguém de 'gay' pode ser injúria

Um polícia foi condenado esta terça-feira pelo Supremo Tribunal de Itália a pagar uma multa de 400 euros por ter chamado 'gay' de forma ofensiva a um colega de trabalho.
16 de Março de 2010 às 18:52
Juíz condenou acusado a uma multa de 400 euros
Juíz condenou acusado a uma multa de 400 euros FOTO: d.r.

Os factos remetem-se ao ano de 2002 quando o acusado enviou uma carta ao seu colega de trabalho onde, além de o acusar de roubar documentos públicos dos escritórios municipais de Ancona, cidade italiana, o polícia o trata ofensivamente dirigindo-se à sua opção sexual.

 

De acordo com a agência EFE, o Supremo considerou que as expressões que o acusado usou na carta expressavam uma “clara reprovação às tendências homossexuais do destinatário”, tendo estabelecido desta forma que usar o termo 'gay' em contexto depreciativo pode ser considerado crime de injúria.

Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)