Barra Cofina

Correio da Manhã

Mundo
2

Italiano sobrevive a Heysel e agora a Bataclan

Jovem sofreu apenas ferimentos ligeiros.
14 de Novembro de 2015 às 19:37
O italiano Massimiliano Natalucci
O italiano Massimiliano Natalucci FOTO: D.R

O italiano Massimiliano Natalucci escapou, na sexta-feira, apenas com escoriações numa perna, aos atentados terroristas em Paris, 30 anos depois de ter sobrevivido à tragédia de Heysel, noticia este sábado o jornal Corriere Adriatico.

A 29 de maio de 1985, Natalucci era um jovem adepto da Juventus, com 15 anos, que assistia com o pai e o tio à final da Taça dos Campeões Europeus de futebol, frente ao Liverpool, que ficou marcada pela morte por esmagamento de 39 pessoas, maioritariamente italianas, depois de terem sido atacadas por adeptos ingleses.

Pouco mais de 30 anos depois de Heysel, Natalucci escapou a um acontecimento ainda mais mortífero, na sala de espetáculos Bataclan, em Paris, onde morreram mais de 80 pessoas, vítimas de um ataque desencadeado por quatro terroristas.

Massimiliano Natalucci Paris
Ver comentários