Barra Cofina

Correio da Manhã

Mundo

Já há um tratamento contra a Covid-19 válido para a variante Ómicron

Anticorpo monoclonal é eficaz em pessoas com Covid-19 leve a moderado e que apresentam alto risco de desenvolver doença grave.
2 de Dezembro de 2021 às 09:25
 Reino Unido
Reino Unido FOTO: Getty Images
O Reino Unido aprovou esta quinta-feira um novo tratamento contra a Covid-19 que reduz a hospitalização e morte em 79% e é eficaz contra a nova variante Ómicron, avançou a Reuters.

Este anticorpo monoclonal - o segundo a ser autorizado pela Agência Reguladora de Medicamentos e Produtos de Saúde - é eficaz em pessoas com Covid-19 leve a moderado e que apresentam alto risco de desenvolver doença grave.

O Xevudy (sotrovimab), desenvolvido pela GSK em parceria com o laboratório californiano Vir Biotechnology, é um anticorpo monoclonal de longa ação que atua ao ligar-se à proteína spike do lado externo do vírus Covid-19. Isso, por sua vez, evita que o vírus se fixe e entre nas células humanas, de modo que não possa replicar-se no corpo.

"Com base nos dados dos ensaios clínicos, o sotrovimabe é mais eficaz quando tomado durante os estágios iniciais da infeção e, portanto, a MHRA recomenda o uso o mais rápido possível e dentro de cinco dias do início dos sintomas. Ao contrário do molnupiravir, o sotrovimab é administrado por perfusão intravenosa durante 30 minutos. É aprovado para maiores de 12 anos e peso superior a 40kg", pode ler-se no comunicado do regulador britânico.

Covid-19 Ómicron Ómicron saúde Reino Unido
Ver comentários