Barra Cofina

Correio da Manhã

Mundo
7

John Kerry escutado pelos serviços secretos alemães

E espia a Turquia desde 2009.
16 de Agosto de 2014 às 15:04
O tema das conversas era a discussão sobre o Médio Oriente
O tema das conversas era a discussão sobre o Médio Oriente FOTO: AAPimage

A agência secreta alemã escutou "acidentalmente" conversas telefónicas do secretário de Estado norte-americano, John Kerry, e espia a Turquia desde 2009, noticiou este sábado a revista alemã Der Spiegel.

Segundo a revista, os serviços secretos BND intercetaram "acidentalmente", em 2013, conversas de John Kerry em que discutia a tensão no Médio Oriente.

As relações entre os dois países estavam tensas desde o ano passado, quando Edward Snowden revelou que Washington tinha levado a cabo uma intensa operação de espionagem na Alemanha, incluindo escutas à chanceler Angela Merkel.

A polémica reavivou-se no mês passado, quando dois alegados agentes alemães que trabalhavam para os serviços secretos norte-americanos foram desmascarados.

Segundo o semanário alemão, a BND também anda a espiar a Turquia desde 2009 e, apesar de o Governo alemão rever o programa de espionagem de quatro em quatro anos, não modificou as prioridades depois do escândalo sobre a espionagem norte-americana.

As revelações agora feitas pela revista Der Spiegel surgem depois de ter sido divulgado que os serviços secretos alemães tinham escutado chamadas telefónicas da antiga chefe da diplomacia norte-americana Hillary Clinton.

Turquia Angela Merkel Der Spiegel
Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)