Barra Cofina

Correio da Manhã

Mundo
7

Jovem morre depois de reação alérgica a queijo

Alimento foi secretamente colocado na sua sanduíche, por outro colega, na escola.
Ana Ferreira Silvestre e Pedro Zagacho Gonçalves 11 de Julho de 2017 às 17:13
Karan morreu depois de uma alergia a queijo
Karanbir Cheema, de 13 anos, era um 'excelente aluno a matemática'
Karanbir Cheema e a mãe
Escola de William Perkin, em Londres, onde o incidente aconteceu
Karan morreu depois de uma alergia a queijo
Karanbir Cheema, de 13 anos, era um 'excelente aluno a matemática'
Karanbir Cheema e a mãe
Escola de William Perkin, em Londres, onde o incidente aconteceu
Karan morreu depois de uma alergia a queijo
Karanbir Cheema, de 13 anos, era um 'excelente aluno a matemática'
Karanbir Cheema e a mãe
Escola de William Perkin, em Londres, onde o incidente aconteceu

Karanbir Cheema, de 13 anos, morreu no seguimento de uma alergia a um bocado de queijo, colocado por outro colega, na sua sanduíche. O incidente aconteceu na escola de William Perkin, em Greenford, Londres.

Karanbir, conhecido por Karan, era um "jovem muito doce", que gostava de jogar futebol e regularmente praticava karaté.

De acordo com alguns amigos do jovem, que sofria de várias alergias, este andava, nos últimos tempos, a sofrer de bullying.

No dia da sua morte, Karan preparava-se para almoçar quando, secretamente, um dos colegas colocou queijo na sua sanduíche. Sem saber, Karan deu a dentada que o levou à morte. Esta informação foi revelada por um amigo da família, Humaira Khan.

O jovem deslocou-se à enfermaria da escola, mas os medicamentos contra a alergia não era suficientes para ajudar. Nesse sentido, chamaram uma ambulância.

Duas semanas depois, Karan morreu, rodeado pela família.

No mesmo dia, o jovem de 13 anos que alegadamente colocou o ingrediente mortal na sanduíche de Karan, foi detido para prestar depoimento.

Humaira Khan, amigo da família, disse que "Karan era amigo do meu filho e costumavam jogar futebol juntos". "Tive conhecimento de que existia uma criança que fazia bullying a Karan. Foi esse mesmo jovem que colocou o queijo no seu almoço", revelou.

"Sempre que fecho os olhos, consigo vê-lo", admite Humaira. "Era um ótimo aluno a Matemática e um jovem muito simpático", recorda.

Os restantes pais dizem que todos se encontram "devastados" pela morte de Karan. A mãe de um jovem, colega de Karan, que não se quis identificar, disse que "isto não passou de uma brincadeira que correu mal", em declarações ao jornal ‘The Metro’. 

Karanbir Cheema William Perkin Greenford Londres Humaira Khan Karan The Metro questões sociais morte
Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)