Barra Cofina

Correio da Manhã

Mundo
4

Jovem muda-se para os Estados Unidos à procura de uma nova vida e acaba morta pelo namorado

Karen vivia na Colombia e arranjou um emprego como ama em Nova Jérsia.
Correio da Manhã 13 de Agosto de 2019 às 14:18
Karen Bermudez-Rodriguez
Joseph Porter
David Kimowitz e a mulher
Karen Bermudez-Rodriguez
Joseph Porter
David Kimowitz e a mulher
Karen Bermudez-Rodriguez
Joseph Porter
David Kimowitz e a mulher
Karen Bermudez-Rodriguez deixou a sua vida na Colombia, para viver uma aventura nos Estados Unidos. Os ciúmes e a obsessão do novo companheiro acabou por ditar a morte da jovem de 26 anos, no passado dia 3 de agosto. 

Com uma nova vida longe da sua casa, a jovem decidiu terminar o relacionamento com Juan Rivera com quem já tinha casamento marcado.

Na pequena localidade de Maplewood, em Nova Jérsia, Karen inscreveu-se numa empresa de recrutamento de amas e arranjou emprego, ficou responsável por cuidadar de duas crianças e ficou a viver na casa da família.

Foi lá que conheceu Joseph Porter, com quem iniciou uma relação amorosa. Para Karen o caso não era tão sério como o companheiro o levava.

Em declarações ao The New York Times, os amigos de Karen afirmaram que Joseph começou a evidencias sinais de ciúmes e a demonstrar um comportamento possossevivo e por vezes violento. Ele não a deixava ver os amigos e controlava tudo o que ela fazia no telemóvel e não escondia a raiva que sentia sempre que a jovem o deixava em segundo plano.

Numa mensagem, a jovem informou o rapaz que queria terminar a relação e pediu-lhe a chave de casa de volta. 

No dia do crime, Joseph, de acordo com os documentos a que o jornal norte-americano teve acesso, conseguiu chegar ao piso superior da casa e esfaqueou até à morte o dono da habitação, David Kimowitz. Depois com fita-cola, prendeu Karen pelos pulsos. A jovem conseguiu fugir para rua, mas foi apanhada por Joseph que a matou à facada. 
Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)