Barra Cofina

Correio da Manhã

Mundo

Kerstin acordou

A jovem austríaca Kerstin Fritzl, de 19 anos, que nasceu da relação incestuosa entre Josef Fritzl – conhecido como o ‘Monstro de Amstetten’ – e a filha deste, Elisabeth, mantida cativa numa masmorra e violada ao longo de 24 anos, despertou do coma induzido.

11 de Junho de 2008 às 00:30
Josef Fritzl, na foto com a mulher, deverá ser julgado ainda este Verão. Na foto pequena, Elisabeth, que viveu 24 anos cativa com os filhos
Josef Fritzl, na foto com a mulher, deverá ser julgado ainda este Verão. Na foto pequena, Elisabeth, que viveu 24 anos cativa com os filhos FOTO: d.r.

Apesar de ter despertado do coma induzido, segundo a rádio pública austríaca (ORF) a filha mais velha de Josef Fritzl necessita de cuidados médicos e terapêuticos intensivos.

Kerstin, que deixou a unidade de cuidados intensivos há pouco mais de 48 horas, foi colocada em coma induzido na sequência de problemas renais. Vários media austríacos noticiaram que a jovem poderá ter sido transferida para a clínica psiquiátrica onde estão a ser tratados os cinco irmãos, a mãe e a avó. Recorde-se que a 28 de Maio o ‘Daily Mail’ noticiou que a jovem saíra do coma induzido.

Kerstin deu entrada no hospital a 19 de Abril, tendo o internamento estado na origem da detenção do pai-avô. Recorde--se que Elisabeth teve sete filhos (um morreu pouco depois do parto) de Josef Fritzl, que se encontra sob custódia policial.

Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)