Barra Cofina

Correio da Manhã

Mundo
1

Libertadas irmãs que vão partilhar um rim

As irmãs norte-americanas Jamie e Gladys Scott, que viram as penas de prisão perpétua comutadas na condição de uma delas doar um rim à outra, foram libertadas esta sexta-fera no Mississipi.
7 de Janeiro de 2011 às 20:28
Gladys, de 38 anos, tem um ano para doar o rim
Gladys, de 38 anos, tem um ano para doar o rim FOTO: Reuters

Com a alegria estampada no rosto, acenaram à multidão e às dezenas de jornalistas que as aguardavam à saída da Central Mississippi Correctional Facility, onde passaram 16 anos por assalto à mão armada.

"Estamos livres. Deus vos abençoe a todos", gritaram, enquanto distribuíam beijos.

Refira-se que, ao abrigo do acordo de libertação, Gladys, de 38 anos, tem um ano para doar o rim, mas para isso precisa de saber se é compatível com a irmã e ainda de angariar fundos para pagar a cirurgia. O advogado das Scott afirma que vai ser tentado um erecurso ao sistema de seguro Medicaid, financiado pelo governo.

gladys scott mississippi eua rim prisão
Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)