Barra Cofina

Correio da Manhã

Mundo
4

Líder Comunista morre aos 63

Gladys Marin, a líder histórica do pequeno partido comunista do Chile, morreu ontem aos 63 anos de idade, vitimada por um tumor cerebral.
7 de Março de 2005 às 00:59
Apesar de o seu partido nunca ter tido qualquer poder, Marin lutou até ao fim contra o presidente Augusto Pinochet, mesmo após a sua deposição.
No Chile até mesmo os líderes de direita tiveram de reconhecer em Marin uma lutadora pelo bem comum.
Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)