Barra Cofina

Correio da Manhã

Mundo
7

Líderes da banca privada chegam a Atenas para negociar o perdão da dívida

Atenas aguarda hoje a chegada dos responsáveis do Instituto Internacional de Finanças (IIF), Charles Dallara e Jean Lemierre, para continuar as negociações sobre o perdão de 100 mil milhões de euros do país, noticia a agência Efe.
4 de Fevereiro de 2012 às 12:09
Instituto Internacional de Finanças, Atenas, dívida
Instituto Internacional de Finanças, Atenas, dívida FOTO: d.r.

Segundo a imprensa grega, citada pela Efe, não se sabe quando terão início os contactos entre os credores privados e os representantes gregos.

Paralelamente, entraram numa fase crítica as negociações entre a Grécia e 'troika' internacional, formada pelo Banco Central Europeu (BCE), a Comissão Europeia e o Fundo Monetário Internacional (FMI).

A 'troika' exige que a Grécia reduza o valor do salário mínimo, actualmente em 750 euros brutos, para o valor praticado em Portugal (475 euros).

Todos os partidos que formam o Governo do ex-banqueiro Lucas Papademos se opõem a esta exigência, o que põe em perigo o futuro da negociação.

A reunião entre o primeiro-ministro e os três líderes políticos -- Yorgos Papandreu, Antonis Samarás e Yorgos Karatzaferis -- foi, mais uma vez, adiada.

Os responsáveis gregos querem esperar pelos resultados das reuniões entre a 'troika' e o ministro das Finanças grego, Evangelos Venizelos.

O Ministério das Finanças afirmou, num comunicado divulgado durante a madrugada, que as negociações para o perdão da dívida que está nas mãos de credores privados são "a parte mais fácil da negociação".

O ministro das Finanças adianta que hoje, a partir das 12:30, realiza-se uma teleconferência com os ministros das Finanças do Eurogrupo.

"A reunião do Eurogrupo, inicialmente prevista para segunda-feira, vai realizar-se na quarta-feira", acrescentou Venizelos.

Instituto Internacional de Finanças Atenas dívida
Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)