Barra Cofina

Correio da Manhã

Mundo
3

MÃE DECAPITOU BEBÉ EM FRENTE DOS IRMÃOS

Uma alemã foi ontem detida sob suspeita de ter assassinado barbaramente o seu filho, um bebé de dez meses, decapitando-o com uma faca de cozinha na presença dos dois irmãos. O hediondo crime, cujas causas são desconhecidas, está a chocar a Alemanha.
23 de Agosto de 2003 às 00:00
A polícia rodeou a casa onde a alegada homicida terá morto o filho
A polícia rodeou a casa onde a alegada homicida terá morto o filho FOTO: Peter Roggenthin (EPA)
A alegada homicida, uma mulher de 31 anos, residente na cidade de Nuremberga, terá morto a criança em casa, com uma faca de cozinha de 30 centímetros de comprimento.
No momento em que foi assassinado, o bebé encontrava-se a brincar no seu parque.
Refira-se que os dois irmãos da vítima, uma menina de dois anos e um menino de quatro, terão assistido a tudo. O crime foi denunciado à polícia pelo pai do bebé, que recebeu uma chamada telefónica da mãe das crianças, confessando-lhe ter morto a criança.
CASO SEMELHANTE NA SUÍÇA
O drama em Nuremberga é um dos últimos de uma série de crimes semelhantes na Europa. Basta recordar o que aconteceu em Setembro do ano passado em Sion, na Suíça, quando uma mulher, de 38 anos, arremessou o carro contra uma bomba de gasolina com dois dos seus quatro filhos lá dentro. Aqueles escaparam mas o drama tinha começado mais cedo: a mulher afogara na banheira um outro filho com cinco anos, e lançado outro de uma ponte. Este último salvou-se.
Num outro caso, que chocou os britânicos no Natal do ano passado, Alison Gorrie, de 36 anos, espancou até à morte o filho, de cinco anos, com um taco de golfe, suicidando-se depois, ao lançar-se de uma janela.
Ver comentários