Barra Cofina

Correio da Manhã

Mundo
7

Mãe mata três filhas bebés à facada

Avó das vítimas foi a primeira a chegar ao local. Deparou-se com a filha sem roupa e com uma faca na mão ao lado das três netas, já sem vida.
22 de Maio de 2014 às 16:55
Avó das vítimas foi a primeira a chegar ao local. Deparou-se com a filha sem roupa e com uma faca na mão ao lado das três netas, já sem vida.

Carol Coronado, de 30 anos, é a principal suspeita da morte das suas três filhas bebés. A mulher foi encontrada pela própria mãe, na terça-feira, na Califórnia, EUA, sem roupa e com uma faca na mão, deitada na sua cama de casal, coberta de sangue, ao lado das crianças já sem vida.

O pai das vítimas, Rodolfo Coronado, estava perto de casa, a reparar o carro, mas não se apercebeu da situação. Foi a avó quem chegou primeiro ao local. Carol Coronado já tinha ligado à mãe, avisando-a de que estava a enlouquecer, e a avó das crianças foi para o local assim que pôde. Já não chegou a tempo de salvar a vida às netas.

“Quando eles [os polícias] chegaram foram recebidos por membros da família que disseram que uma mãe tinha assassinado os seus filhos”, explicou o departamento de xerifes de Los Angeles, em comunicado, citado pelo ‘Daily Mail’. As bebés foram declaradas mortas no local.

Além da faca de cozinha que Carol Coronado segurava quando a avó das bebés chegou ao local, as autoridades encontraram mais facas espalhadas pelo quarto. O pai das crianças ficou visivelmente transtornado com a situação. “Ela matou as minhas filhas”, gritou o pai, entre lágrimas.

A suspeita de homicídio foi detida, mas antes teve de ser transportada para o hospital, uma vez que tinha tentado cortar os próprios pulsos e precisava de cuidados médicos. Na sua página no Facebook, Carol Coronado tinha várias fotos das filhas, incluindo como foto de capa.

Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)