Barra Cofina

Correio da Manhã

Mundo

Mãe queima mão ao filho de 12 anos por roubar telemóvel

Menor necessitou de receber assistência no Hospital Central do Lubango, em Angola.
Lusa 21 de Setembro de 2020 às 19:06
Telemóvel
Telemóvel FOTO: Direitos Reservados
Uma mãe queimou uma das mãos do filho, de 12 anos, num fogareiro, alegadamente por o menor ter furtado um telemóvel, no Lubango, província angolana da Huíla, informaram hoje as autoridades policiais.

Segundo o porta-voz em exercício do Comando Provincial da Polícia Nacional da Huíla, Fernando Tongo, o facto registou-se, domingo, nos arredores da cidade do Lubango, estando já a mãe, de 27 anos, detida.

Fernando Tongo, citado pela agência noticiosa angolana Angop, disse que as autoridades tomaram conhecimento do caso através de denúncias dos familiares.

O menor recebeu assistência no Hospital Central do Lubango.

Lubango Huíla Fernando Tongo crime lei e justiça polícia
Ver comentários