Barra Cofina

Correio da Manhã

Mundo
7

Polícia entrega pizza para prender mafioso

Roberto Manganiello estava entre os mais procurados de Itália.
J.C.M. 18 de Abril de 2016 às 13:28
Roberto Manganiello era procurado pelas autoridades de Nápoles desde 2013
Roberto Manganiello era procurado pelas autoridades de Nápoles desde 2013 FOTO: You Tube / Videoinformazioni

Foragido à Justiça desde 2013, Roberto Manganiello foi detido pela polícia italiana este sábado, numa casa dos arredores de Nápoles. Considerado uma das figuras mais influentes da Camorra, a Máfia napolitana, estava na lista dos 100 mais procurados de Itália. 



A operação policial que levou à sua detenção teve contornos de filme. Manganiello preparava-se para ver o jogo entre o Inter de Milão e o Nápoles e encomendou uma pizza para entrega ao domicílio, num apartamento a 15 km de Nápoles. Mas quem lhe foi levar o jantar foram dois polícias à paisana, que assim enganaram o mafioso e conseguiram detê-lo sem lhe dar hipóteses de resistência. Roberto estava desarmado, e foi encontrado na companhia de uma mulher napolitana de 30 anos.

Roberto Manganiello, de 35 anos, é procurado pelo envolvimento num duplo homicídio em 2004, ocorrido num contexto de guerras de gangues rivais. É também investigado por dirigir negócios de extorsão e tráfico de drogas do grupo Marino, apontado como um dos mais violentos da Camorra.


Já agora, diga-se que o futebol também não ajudou a melhorar o dia de Manganiello. O Nápoles perdeu com Inter por 2-0 e ficou a nove pontos da líder Juventus.

Roberto Manganiello máfia nápoles detido pizza polícia
Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)