Barra Cofina

Correio da Manhã

Mundo
5

Magnata sino-canadiano Xiao Jianhua condenado a 13 anos de prisão na China por fraude

Xiao Jianhua teve fama de ser próximo de líderes do Partido Comunista Chinês.
Lusa 19 de Agosto de 2022 às 11:09
Xiao Jianhua
Xiao Jianhua
O magnata canadiano de origem chinesa Xiao Jianhua, que já teve fama de ser próximo de líderes do Partido Comunista Chinês, foi condenado hoje na China a 13 anos de prisão por fraude.

Xiao Jianhua era um dos homens mais ricos do país e fundador do conglomerado Tomorrow, um império com interesses diversos, incluindo bancos, imóveis e seguros.

Até ao seu desaparecimento, Xiao morava em Hong Kong, num apartamento dentro de um hotel cinco estrelas, o Four Seasons, que tinha a reputação de ser um paraíso para os magnatas chineses.

Xiao Jianhua Partido Comunista Chinês China economia negócios e finanças
Ver comentários