Barra Cofina

Correio da Manhã

Mundo
9

Foguetão chinês que 'ameaçou' Portugal desintegra-se no regresso à Terra. Saiba onde

Aparelho reentrou na atmosfera pelas 03h34 (horário em Lisboa).
Lusa 9 de Maio de 2021 às 06:59
Foguetão chinês
Foguetão chinês FOTO: Reuters
Um importante segmento do foguetão chinesa desintegrou-se este domingo ao reentrar na atmosfera terrestre e caiu no oceano Índico, perto das Maldivas, anunciou a agência espacial da China.

"De acordo com o percurso e análise, pelas 10h24 (03h34 em Lisboa) de 9 de maio de 2021, o primeiro andar do foguetão Longa Marcha 5B reentrou na atmosfera", declarou o Gabinete de Engenharia Espacial Tripulada chinês, em comunicado.

As coordenadas fornecidas pelas autoridades chinesas apontam para um local próximo das ilhas Maldivas, no oceano Índico, a sul da Índia.

Terra Maldivas China ciência e tecnologia foguetão queda atmosfera destroços
Ver comentários