Barra Cofina

Correio da Manhã

Mundo
7

Marcelo Rebelo de Sousa e Lula da Silva reúnem-se em São Paulo. Encontro com Bolsonaro desmarcado

Encontro durou um pouco mais de uma hora e ele e Marcelo conversaram sobre economia, ações sociais e temas ambientais, que dominaram boa parte do tempo.
Domingos Grilo Serrinha e correspondente no Brasil 3 de Julho de 2022 às 16:21
Marcelo Rebelo de Sousa e Lula da Silva reúnem-se em São Paulo
Marcelo Rebelo de Sousa e Lula da Silva reúnem-se em São Paulo
Marcelo Rebelo de Sousa e Lula da Silva reúnem-se em São Paulo
Marcelo Rebelo de Sousa e Lula da Silva reúnem-se em São Paulo
Marcelo Rebelo de Sousa e Lula da Silva reúnem-se em São Paulo
Marcelo Rebelo de Sousa e Lula da Silva reúnem-se em São Paulo

O chefe de Estado português, Marcelo Rebelo de Sousa, e o antigo presidente brasileiro Lula da Silva, líder das sondagens para as novas presidenciais de outubro, encontraram-se na manhã deste domingo em São Paulo, a maior cidade do Brasil. O encontro decorreu na casa do cônsul-geral de Portugal em São Paulo, Paulo Nascimento, no elegante bairro dos Jardins.

De acordo com pessoas próximas a Lula da Silva, o encontro durou um pouco mais de uma hora e ele e Marcelo conversaram sobre temas diversos. Principalmente sobre economia, ações sociais e temas ambientais, que dominaram boa parte do tempo.

Celso Amorim, diplomata que foi ministro dos Negócios Estrangeiros no governo de Lula da Silva, também esteve presente ao encontro, que decorreu em clima de cordialidade. Na agenda de Marcelo Rebelo de Sousa ainda consta um encontro com outro ex-presidente do Brasil, Michel Temer, mas o chefe de Estado português estava a tentar viabilizar ainda um outro encontro com mais um antigo governante brasileiro, o ex-presidente Fernando Henrique Cardoso, que não constava na programação oficial inicial.

Na agenda de Marcelo, após as escalas no Rio de Janeiro e em São Paulo, estava prevista uma ida à capital federal brasileira, Brasília, para uma reunião e um almoço com o presidente Jair Bolsonaro, mas os dois eventos foram desmarcados em cima da hora pelo brasileiro. Bolsonaro, conhecido pela sua intempestividade e pouco apego ao protocolo do cargo, ficou furioso ao saber que Marcelo Rebelo de Sousa, numa situação absolutamente comum, se encontraria com Lula que, além de estar muito à sua frente na corrida para as presidenciais, ele odeia.

Ver comentários
}