Barra Cofina

Correio da Manhã

Mundo
2

Marine Le Pen condena violência contra Macron. Agressor terá gritado slogan da extrema-direita monárquica

Líder do partido União Nacional condenou o ataque a Emmanuel Macron.
Correio da Manhã 8 de Junho de 2021 às 14:35
A carregar o vídeo ...
Manifestante esbofeteia presidente francês e acaba detido. Veja as imagens
A líder da extrema-direita francesa, Marine Le Pen, condenou esta terça-feira a agressão ao presidente francês Emmanuel Macron. Le Pen refere que "embora o debate democrático possa ser amargo, nunca pode tolerar violência física".

Segundo um deputado do partido LFI - grupo de extrema-esquerda liderado por Jean-Luc Mélenchon -, o agressor terá proferido um slogan da extrema-direita monárquica. Eric Coquerel refere que também já tinha sido agredido e que os atacantes o fizeram 'debaixo' do mesmo slogan.

Marine Le Pen Emmanuel Macron política
Ver comentários