Barra Cofina

Correio da Manhã

Mundo
7

Mata enteado de 15 anos em ritual de "magia negra" falhado e esconde corpo em poço na floresta

Maria Korneeva, estrela do desporto russa, e o companheiro foram detidos pelas autoridades.
Correio da Manhã 17 de Outubro de 2021 às 13:24
Roman Fedulov tinha 15 anos
Roman Fedulov tinha 15 anos FOTO: Direitos Reservados
Uma estrela do desporto russa, Maria Korneeva, três vezes campeã de arco e flecha, é suspeita de assassinar o enteado de 15 anos do seu namorado. 

A mulher de 29 anos queria marcar as costas do adolescente Roman Fedulov com um símbolo ritualístico e acabou por o matar. 

O padrasto do adolescente, Vladislav Tsykunov de 52 anos disse em tribunal que a atleta "de sangue frio" só tinha a intenção de esculpir uma estrela nas costas do rapaz. Em vez disso, o homem alega que Maria lhe disse em estado de choque que tinha matado Roman.

O corpo de Roman Fedulov foi encontrado num poço abandonado numa floresta na região de Ryazan, na Rússia, no dia 13 de outubro. 

Ainda assim, no dia 8 de outubro Vladislav Tsykunov já era suspeito de ter sequestrado o enteado após ter terminado o casamento com a mãe do menino, avança o jornal Daily Star.

Vladislav Tsykunov e Maria Korneeva foram detidos pelas autoridades. Sabe-se agora que o homem tinha desenvolvido um gosto recentente pelo ocultismo, querendo utilizar rituais para que a sua ex-mulher voltasse para ele.
Ver comentários