Barra Cofina

Correio da Manhã

Mundo
4

Menina morre em explosão

Uma bomba colocada num carro explodiu ontem junto a uma estância turística búlgara, matando uma criança e ferindo duas outras de nacionalidade alemã e ainda dois adultos. Foi o segundo ataque em apenas dois dias e o terceiro desde Junho na Bulgária, que enfrenta uma vaga de crimes de vingança perpetrados por gangs.
14 de Julho de 2005 às 00:00
A bomba foi colocada no interior da viatura numa estância turística
A bomba foi colocada no interior da viatura numa estância turística FOTO: EPA
A explosão ocorreu perto do hotel Obzor, localizado junto ao Mar Negro, e causou a morte a uma criança búlgara de dois anos que estava a brincar. Um casal búlgaro e duas crianças alemãs que estavam perto do local da explosão tiveram de receber tratamento hospitalar.
Segundo fontes policiais, o búlgaro ferido no atentado é responsável de uma empresa privada de segurança e explora a praia junto ao hotel.
Recorde-se que na terça-feira, um outro carro explodira em Sófia, a capital búlgara, ferindo quatro pessoas. No mês passado, num atentado, que segundo a polícia foi uma tentativa de assassinar uma figura do submundo do crime, feriu seis pessoas.
De acordo com analistas, grupos de criminosos controlam vários sectores da economia búlgara e, por vezes, envolvem-se em confrontos violentos em que morrem inocentes. Apesar de ter feito inúmeras detenções, a polícia não conseguiu uma única condenação.
Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)