Barra Cofina

Correio da Manhã

Mundo

Menor morre de difteria

Criança de seis anos estava internada há um mês.
Alexandra Pereira e F.J.G. 28 de Junho de 2015 às 21:22
Criança estava internada no Hospital Vall d’Hebron, em Barcelona
Criança estava internada no Hospital Vall d’Hebron, em Barcelona FOTO: JT Curses
Um menino de seis anos que estava internado nos cuidados intensivos há 25 dias morreu na madrugada deste sábado, vítima de difteria, no Hospital Vall d’Hebron, em Barcelona. Na origem desta situação estará a falta de vacinação, opção dos pais do menor, que resultou em infeções nos rins, pulmões e coração.

A criança ainda recebeu tratamento com antibióticos e antitoxinas importadas da Rússia, mas a doença já não era tratável. Outras dez crianças foram infetadas, mas por estarem vacinadas não desenvolveram infeções. Duas já tiveram alta e as restantes oito continuam a receber tratamento.

O menor começou a ter sintomas da doença, que ataca as vias respiratórias, a 23 de maio, mas só deu entrada no hospital cinco dias depois. As autoridades de saúde pública continuam as investigações para descobrir a origem do foco da doença.

A vacina da difteria entrou no plano de vacinação em 1965, e há 32 anos que não havia registo de vítimas mortais desta doença na Catalunha.
menor morte Hospital Vall d’Hebron Barcelona Catalunha difteria vacinação saúde
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)