Barra Cofina

Correio da Manhã

Mundo
5

México: Tiroteio no metro provoca dois mortos (COM VÍDEO)

O Governo mexicano disponibilizou as imagens capturadas pelas câmaras do metro da Cidade do México, onde esta sexta-feira ocorreu um tiroteio que provocou a morte de duas pessoas.
19 de Setembro de 2009 às 13:57
Foram necessários 12 agentes para deter Castillo
Foram necessários 12 agentes para deter Castillo FOTO: d.r.

Os disparos ocorreram na estação de Baldera, pouco depois das 5h00 (hora local), quando um polícia impediu Luis Felipe Hernandez Castillo, de 38 anos, de escrever um graffiti nas paredes.

De acordo com Miguel Angel Mancera, advogado federal, Castillo escrevia: 'Este governo de criminosos', quando o polícia o interceptou. O homem terá então tirado uma pistola do bolso e começou a disparar.

A confusão aumentou poucos minutos depois, quando um comboio parou na estação, deixando vários passageiros.

Ao som dos disparos, a multidão começou em pânico, tentando fugir do local. Apenas o polícia ficou a tentar impedir que alguém fosse atingido por um tiro.

Castillo disparou contra o seu oponente, provocando a sua morte.

Um agente federal, passageiro do comboio, tentou, então, roubar-lhe a arma lutando corpo-a-corpo, mas um tiro certeiro na cabeça fê-lo ter morte imediata.

Após matar os seus opositores, o homem ficou escondido dentro do comboio, enquanto efectuava disparos contra a multidão.

Foram necessários 12 agentes para o imobilizar. A polícia está a investigar quais as causas que levaram Castillo a matar duas pessoas, devido a um desenho na parede.

Veja aqui as imagens capturadas pelas câmaras de vigilância do metro:

Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)