Barra Cofina

Correio da Manhã

Mundo
7

Michelle Obama diz que EUA estão prontos para ter mulher Presidente

A primeira-dama norte-americana, Michelle Obama, disse numa entrevista publicada esta sexta-feira, que os Estados Unidos estão preparados para terem uma mulher como Presidente, mas não quis comentar as hipóteses de Hillary Clinton conseguir o lugar.  
16 de Agosto de 2013 às 17:55
Primeira Dama sublinhou ainda que pensa que a Presidência do marido tem ajudado a atenuar os preconceitos raciais nos Estados Unidos
Primeira Dama sublinhou ainda que pensa que a Presidência do marido tem ajudado a atenuar os preconceitos raciais nos Estados Unidos FOTO: Reuters

Michelle Obama fez tais afirmações numa entrevista à revista Parade, excertos da qual foram divulgados no site da internet da publicação.

Inquirida sobre se considera que o país terá uma mulher Presidente durante o seu tempo de vida, a mulher do Presidente Barack Obama respondeu: "Sim, penso que o país está pronto para isso. É só uma questão de encontrar a melhor pessoa".

Escusou-se, contudo, a comentar as probabilidades de a ex-primeira-dama Hillary Clinton se candidatar para suceder a Obama em 2016.

Hillary Clinton, ex-senadora democrata e secretária de Estado durante o primeiro mandato presidencial de Obama, foi vaga sobre se irá ou não candidatar-se ao mais alto cargo da nação.

Clinton deixou em fevereiro o lugar de chefe da diplomacia dos Estados Unidos e as sondagens divulgadas quando ainda faltam três anos para as primárias do Partido Democrata, de onde sairá o nome do candidato às presidenciais, colocam-na na dianteira da corrida -- tanto à nomeação democrata como numas eventuais eleições presidenciais.

Sobre as hipóteses de Hillary Clinton, Michelle Obama disse: "Ela ainda não anunciou nada, por isso não irei, com certeza, adiantar-me a ela", acrescentando que ela própria não se candidatará ao cargo de Presidente.

A primeira-dama sublinhou ainda que pensa que a Presidência do marido tem ajudado a atenuar os preconceitos raciais nos Estados Unidos.

"As crianças nascidas nos últimos oito anos apenas terão conhecido como Presidente dos Estados Unidos um homem afro-americano. Isso muda tudo para todas as nossas crianças, independentemente da sua raça, orientação sexual e género", observou Michelle Obama.

michelle obama presidente eua mulher
Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)