Barra Cofina

Correio da Manhã

Mundo
9

Milhares iniciaram marcha de protesto em Madrid

Milhares de pessoas iniciaram neste domingo em Madrid, Espanha, uma marcha de protesto convocada por mais de 150 organizações contra as medidas de austeridade do Governo e os seus pressupostos, que consideram "antissociais".
7 de Outubro de 2012 às 12:46
Nos primeiros momentos foram repetidas palavras de ordem contra os cortes do Governo e podiam ver-se muitas t-shirts e cartazes em defesa dos serviços e do emprego públicos
Nos primeiros momentos foram repetidas palavras de ordem contra os cortes do Governo e podiam ver-se muitas t-shirts e cartazes em defesa dos serviços e do emprego públicos FOTO: Reuters

A marcha da Cimeira Social teve início na Praça de Legazpi e termina na Estação de Atocha.

De acordo com a agência de notícias espanhola EFE, atrás de um cartaz onde pode ler-se "Mais desemprego, mais cortes, menos protecção. Querem arruinar o país! Temos que impedi-lo!", os representantes das organizações que compõem a Cimeira Social, a quem se juntaram políticos do PSOE e da Esquerda Unida, começaram a marcha com uns minutos de atraso em relação à hora prevista.

Nos primeiros momentos foram repetidas palavras de ordem contra os cortes do Governo e podiam ver-se muitas t-shirts e cartazes em defesa dos serviços e do emprego públicos.

As manifestações, marcadas hoje para 57 cidades espanholas, coincidem com a Jornada Mundial pelo Trabalho Decente, que este ano tem como lema: "Juventude sem emprego, sociedade sem futuro."

protesto crise manifestação madrid marcha austeridade governo espanha
Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)