Barra Cofina

Correio da Manhã

Mundo
8

Milionário dos EUA colecciona recordes

O milionário e aventureiro norte-americano Steve Fossett é um incansável coleccionador de recordes. Na quinta-feira juntou ao seu palmarés um dos mais cobiçados, ao realizar sozinho uma volta ao mundo num pequeno avião, sem escalas ou reabastecimento.
5 de Março de 2005 às 00:00
O avião tem dois tanques com capacidade para 8.5 toneladas de combustível e uma largura de asa de 35m por 11.7 m de comprido.
O avião tem dois tanques com capacidade para 8.5 toneladas de combustível e uma largura de asa de 35m por 11.7 m de comprido. FOTO: Larry W/Epa
A aventura começou e terminou em Salina, Kansas, EUA, e durou apenas 67 horas, menos 13 do que o previsto. ”Isto é algo que queria fazer há muito. Sou mesmo um felizardo”, afirmou à chegada, sorridente e, surpresa, devidamente barbeado.
Nos quase três dias de voo, durante os quais o sucesso do desafio esteve ameaçado por uma fuga de combustível, Fossett alimentou-se de batidos de chocolate e dormiu apenas em turnos de alguns minutos. Para alcançar a proeza, completada entre aplausos na tarde de quinta-feira, Fossett usou o protótipo ‘GlobalFlyer’, desenhado pelo lendário Burt Rutan. A estrutura do aparelho é feita de materiais ultra-leves, que lhe permitem ter um alcance de voo em 75% superior ao dos outros aviões a jacto.
Há menos de três anos o milionário aventureiro tinha estabelecido outro recorde de volta ao mundo ao tornar-se no primeiro homem a sobrevoar o nosso planeta sozinho num balão.
A febre dos recordes começou em 1985, quando Fossett, então com 40 anos, atravessou a nado o Canal da Mancha.
Adepto de ‘navegar’ em todos os elementos, atacou também os recordes náuticos, sendo o detentor de 14 das 21 melhores marcas mundiais de velocidade sobre as ondas. Em Outubro de 2001, por exemplo, bateu o recorde de travessia transatlântica, realizando a proeza em quatro dias e 17 horas, assim retirando 43 horas e 35 minutos à anterior melhor marca. Estima-se que detenha ao todo cerca de 100 recordes.
SUCESSOS
VOAR EM BALÃO
1998 e 2002 - recorde de distância percorrida.
2001 e 2002 - Voo solitário mais longo.
2002 - Primeira volta ao mundo em voo solitário.
- Primeira travessia da Ásia, África, Europa, América do Sul, Atlântico Sul, Pacífico Sul e Oceano Índico.
NAVEGAÇÃO COM VELA
2001 - Travessia mais rápida do Atlântico em barco à vela
2002 - Sete títulos de velocidade em barcos com vela
2004 - Recorde de velocidade na volta ao mundo em barco
EM AVIÃO
Vários recordes de volta ao mundo em aviões de médio porte.
Ver comentários