Barra Cofina

Correio da Manhã

Mundo
8

Militares no Quénia identificam autores de massacre

Quatro autores do ataque ao centro comercial Westgate, no Quénia, terão morrido dentro do edifício.
5 de Outubro de 2013 às 16:59
As forças militares quenianas acreditam ter identificado quatro suspeitos do ataque ao centro comercial Westgate, no Quénia. Os suspeitos terão todos morrido durante o ataque.

As forças militares quenianas acreditam ter identificado quatro suspeitos do ataque ao centro comercial Westgate, no Quénia. Os suspeitos terão todos morrido durante o massacre.

Um vídeo do interior do centro comercial Westgate, mostra pelo menos quatro homens armados a circularem dentro do edifício. As forças militares quenianas acreditam ter identificado estes quatro suspeitos do ataque que vitimou 74 pessoas.

Abu Baara al-Sudani, Omar Nabhan, Khattab al-Kene and Umayr, são os nomes dos quatro homens. Em declarações à agência 'Reuters', o Major Emmanuel Chirchir confirmou a informação. O porta-voz das forças militares diz que os suspeitos identificados são de facto os terroristas e "todos morreram no ataque".

As forças quenianas estimavam que teriam sido entre 10 a 15 pessoas, responsáveis pelo ataque, informação agora contrariada. O ataque, que se prolongou de 21 a 24 de setembro, foi reivindicado pelo movimento islamita somali 'shebab', com ligações à rede Al-Qaida. O comando atacou o luxuoso centro numa altura em que o recinto estava cheio de quenianos e estrangeiros que aproveitavam o fim de semana para fazer compras.

Nairobi militares Quénia atentado suspeitos ataque
Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)