Barra Cofina

Correio da Manhã

Mundo
6

Milo Yiannopoulos demite-se após polémica sobre pedofilia

É considerado pelos seus críticos como racista e misógino.
22 de Fevereiro de 2017 às 00:19
Milo Yiannopoulos
Milo Yiannopoulos
Milo Yiannopoulos
Milo Yiannopoulos
Milo Yiannopoulos
Milo Yiannopoulos
Milo Yiannopoulos
Milo Yiannopoulos
Milo Yiannopoulos
O polémico conservador Milo Yiannopoulos demitiu-se hoje do site de comunicação de direita norte-americano Breitbart, no meio de uma discussão desencadeada por comentários seus interpretados como de perdão da pedofilia.

Este britânico, de 32 anos, já tinha perdido um negócio para lançar um livro e um convite para discursar numa reunião de conservadores devido à divulgação de um vídeo, na rede social Twitter, durante o fim de semana, no qual defende os homens que têm relações sexuais com crianças com 13 anos.

Durante uma conferência de imprensa em Nova Iorque, Yiannopoulos anunciou que se demitia de editor de tecnologia deste sítio.

"O Breitbart News manteve-se ao meu lado, enquanto outros fugiam", disse, lendo uma declaração escrita.

"Estaria errado se permitisse que a minha pobre escolha de palavras prejudicasse os relatos importantes dos meus colegas, pelo que me demito do Breitbart, com efeitos imediatos. Esta decisão é apenas minha", acrescentou.

Yiannopoulos é considerado pelos seus críticos como racista e misógino, mas apresenta-se a si próprio como um cruzado homossexual contra "o politicamente correto".

Ele é frequentemente descrito como o líder da auto designada direita alternativa ('alt-right', na abreviatura em Inglês), uma franja de brancos nacionalistas e extremistas que encontrou apoio no sítio do Breitbart, apesar de se ter distanciado deste movimento.

O sítio Breitbart News emitiu um comunicado, dizendo que aceitou a resignação de Yiannopoulos, acrescentando que "a sua voz relevante desencadeou debates muito necessários sobre importantes tópicos culturais".

No vídeo vê-se Yiannopoulos a afirmar a um animador de rádio: "Não. Não. Não. Você está a interpretar mal o que significa pedofilia".

Pedofilia, adiantou, "não é uma atração sexual por alguém com 13 anos que é sexualmente maduro; é atração por crianças que ainda não atingiram a puberdade".
Milo Yiannopoulos Nova Iorque Breitbart News política questões sociais Internet pedofilia
Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)