Barra Cofina

Correio da Manhã

Mundo
9

Mineiro chileno resgatado com vida perde casa nas cheias

Cheias na região fizeram dez mortos e 19 desaparecidos.
28 de Março de 2015 às 21:28
Cheias deixaram um rasto de destruição na região chilena
Cheias deixaram um rasto de destruição na região chilena FOTO: Felipe Trueba/EPA
Um dos mineiros chilenos que estiveram mais de dois meses soterrados numa mina em 2010, perdeu a casa e tudo o que tinha devido às chuvas torrenciais que atingiram no norte do Chile.

Victor Zamora é um dos 33 homens que se tornaram internacionalmente conhecidos quando ficaram presos no fundo da mina de cobre de San José, no deserto de Atacama.

A sua casa foi arrastada na madrugada de terça-feira, juntamente com a maioria das outras construções da pequena aldeia mineira situada perto da cidade de Copiapo, a cerca de 800 quilómetros a norte de Santiago."É mais uma tragédia, perdemos tudo", disse Zamora por telefone à agência de notícias francesa, AFP, a partir da cidade de Tierra Amarilla.

Segundo o mineiro, a enxurrada aconteceu pelas 03h00, quando todos dormiam. Conseguiu fugir apenas com o que tinha com ele."Já não temos nada. Mas eu e os meus vizinhos estamos a tentar ajudar-nos", disse Zamora que, em outubro de 2010, foi o 14.º mineiro a ser retirado em segurança da mina, depois de passar 69 dias preso no subsolo.

As cheias numa região normalmente caracterizada pela seca fizeram dez mortos, 19 desaparecidos e deixaram desalojadas centenas de pessoas.
Victor Zamora Copiapo cheias perde casa mineiro chileno resgatado San José deserto de Atacama salvamento
Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)