Barra Cofina

Correio da Manhã

Mundo
7

Missionária mórmon deixa igreja e torna-se estrela porno

Addie Andrews diz que o seu novo trabalho tem muito em comum com a vida de igreja.
Correio da Manhã 23 de Outubro de 2019 às 12:50
Addie Andrews
Addie Andrews
Addie Andrews
Addie Andrews
Addie Andrews
Addie Andrews
Addie Andrews
Addie Andrews
Addie Andrews
Addie Andrews
Addie Andrews
Addie Andrews
A vida de uma estrela porno tem muito em comum com a vida na igreja. Quem o diz é uma antiga missionária mórmon que se tornou estrela porno após ter sido "reprimida sexualmente".

Addie Andrews cresceu nos Estados Unidos e deixou a igreja há dois anos. Era missionária mórmon, uma religião com costumes muito rigidos e valores ligados à moralidade e família. Quem se rege por esta doutrina deve abster-se do consumo de bebidas alcoólicas, café, chá preto, drogas ilícitas e tabaco e sexo só mesmo depois do casamento. 

Aos 30 anos, a norte-americana diz que o momento decisivo para abandonar a igreja foi quando não conseguiu ser dama de honor no casamento da irmã, porque o vestido era considerado "indecente" para padrões mórmons.

Durante a sua infância, Addie sempre foi pressionada pelos pais no que toca à religião, no entanto foi-lhe permitida a escolha da religião que queria seguir. Aos 17 anos, ingressou na Igreja de Jesus Cristo dos Santos dos Últimos Dias.

"A igreja acolheu-me, foi muito acolhedora e eu queria que corresse bem", disse ao New York Post.

Antes de se junta àquela igreja, Addie só tinha tido relações sexuais uma vez. Ao aceitar a religião teve de aderir às regras da igreja que eram contra o sexo antes do casamento, o que, segundo ela, a levou mais longe de sua própria identidade.

Por 18 meses, Addie esteve em missão nos Estados Unidos e não fez sexo até os 26 anos.

"Fui muito reprimida sexualmente! Somos essencialmente freiras, dedicadas à religião durante esse período de tempo", acrescenta.

Addie, que recentemente foi "Pet of the Month" da revista Penthouse, disse que era proibida de ser sexual ou até ver filmes em família ao sábado.

Após abandonar a igreja em 2017, mudou-se para a Califórnia para se tornar atriz, mas teve dificuldade em conseguir trabalho.

Por isso, tentou a sua sorte como dançarina exótica e acabou por ser contactada por muitos agentes de estrelas pornos. Acabou por se associar a um deles e atualmente tem mais de 70 mil seguidores no Instagram e é um sucesso na indústria dos filmes para adultos. 

A família acabou por aceitar o 
seu novo estilo de vida.

 

Estados Unidos Addie Andrews questões sociais minorias religião
Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)