Barra Cofina

Correio da Manhã

Mundo
2

Morre cérebro do ataque palestiniano em Munique

Mohammed Udeh, o cérebro do ataque contra os Jogos Olímpicos de 1972 e do qual resultaram 11 israelitas mortos, morreu este sábado em Damasco com 73 anos, anunciou uma filha.
3 de Julho de 2010 às 14:48
Mohammed Udeh morreu após falência renal
Mohammed Udeh morreu após falência renal FOTO: DR

A filha Hana Oudeh afirmou que o pai morreu devido a falência renal no hospital Andalous em Damasco, diz a agência Lusa. 

Mohammed Udeh, também conhecido como Abu Daud e que tinha cinco filhas  e um filho, não participou no atentado de 5 de Setembro de 1972.   

O falecido era líder do Setembro Negro, um braço do grupo Fatah liderado pelo líder palestiniano Yasser Arafat que foi constituído para vingar a expulsão de 1970 das guerrilhas palestinianas da Jordânia.   

Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)