Barra Cofina

Correio da Manhã

Mundo
8

Morreu campeão do ‘mundo melhor’

A morte, terça-feira, de Edward ‘Ted’ Kennedy, de 77 anos, vítima de um cancro no cérebro detectado em Maio do ano passado, fecha um capítulo mítico da história dos EUA. Ele era o mais novo dos irmãos Kennedy, descendentes de imigrantes católicos de origem irlandesa com praça forte política no Massachusetts, estado da costa leste que ele representou, ininterruptamente como senador nos últimos 47 anos.
27 de Agosto de 2009 às 00:30
Edward Kennedy era o último representante de uma dinastia política que fez sonhar a América
Edward Kennedy era o último representante de uma dinastia política que fez sonhar a América FOTO: Matthew Cavanaugh/Epa

Viu morrer um irmão (John), assassinado em Novembro de 1963, no desempenho de funções de presidente dos EUA, e outro (Robert) em Junho de 1968, quando disputava a nomeação para candidato presidencial pelo Partido Democrata. Pensou-se que, pelo menos, também concorreria à Casa Branca, mas a história sempre mal contada de um acidente em Julho de 1969 depois de uma noite especial, em que morreu uma das suas secretárias, Mary Jo Kopechne, barrou-lhe a subida ao topo da política.

Compensou o erro fatal com uma dedicação sem descanso às causas da liberdade e da justiça social. Uma das suas lutas foi pela independência de Timor-Leste. A mais recente foi o apoio ao alargamento dos serviços públicos de saúde que o presidente Obama apresenta como pedra de toque da mudança para um ‘mundo melhor’. Para que na altura da votação não falte apoio à importante reforma social, ‘Ted’ Kennedy foi antes da morte notícia pelos seus apelos a que se tratasse rapidamente da sua substituição como senador do Massachusetts.

O hemiciclo do Capitólio é, de resto, o único local onde ‘Ted’ Kennedy pode ser substituído. Haverá outro senador pelo estado liberal e católico da Nova Inglaterra. Mas não se avista mais nenhum Kennedy capaz de manter o nome da família na primeira linha da luta política e, sobretudo, com o carisma e a capacidade de mobilização de vontades e esperanças capazes de fazer avançar um ‘mundo melhor’. A ‘expressão ‘campeão do mundo melhor’ veio do israelita Benjamim Netanyahu. E desta vez teve razão.

PERFIL

Edward ‘Ted’ Kennedy nasceu em Boston (1932) e foi educado em Nova Iorque, Florida e Inglaterra. Os pais, irlandeses, eram ambos descendentes de famílias políticas poderosas. Foi expulso de Harvard por copiar, em 1951, alistou-se no Exército e regressou para se licenciar (1956). Foi eleito senador pelo Massachusetts em 1962 e reeleito sucessivamente até ao final da carreira. Em 1980 perdeu para Jimmy Carter a nomeação para candidato democrata à presidência. Até à morte foi um defensor acérrimos de causas liberais.

Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)