Barra Cofina

Correio da Manhã

Mundo
4

Morreu indiana que fez queixa de violação coletiva e foi incendiada a caminho do tribunal

Jovem de 23 anos foi atacada por um grupo de homens, quando estava a caminho de uma audiência.
Lusa 7 de Dezembro de 2019 às 07:37
Manifestações na Índia
Manifestações na Índia FOTO: EPA
Uma vítima de violação no norte da Índia que foi incendiada a caminho de uma audiência de tribunal morreu num hospital de Nova Deli, informaram este sábado as autoridades.

A mulher, de 23 anos, foi atacada por um grupo de homens no estado de Uttar Pradesh, entre os quais dois dos cinco indivíduos que havia acusado de violação coletiva em 2018, e que tinham sido libertados sob fiança. 

Cinco homens foram detidos em conexão com este último ataque.

violação india morte crime fogo
Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)