Barra Cofina

Correio da Manhã

Mundo
3

Motim em prisão indonésia permite fuga de 30 reclusos

Terceira fuga de uma penitenciária do país em pouco mais de um mês.
19 de Agosto de 2013 às 08:24

As autoridades indonésias iniciaram uma operação de captura de mais de 30 reclusos que fugiram de uma prisão da ilha de Sumatra depois de um motim naquela que é a terceira fuga de uma penitenciária do país em pouco mais de um mês.

Entretanto, as forças policiais com o apoio do exército tentam retomar o controlo da prisão de Labohan Ruku, na região de Batubara, na província de Sumatra do Norte depois dos reclusos terem atacado os guardas e provocado um incêndio no domingo.

No motim, pelo menos 30 reclusos aproveitaram o caos e fugiram, disseram funcionários do estabelecimento ao diário 'The Jakarta Glove'.

Apesar de ter apenas uma capacidade declarada de 300 reclusos, a prisão de Labohan Ruku, classificada como de segurança média, aloja mais de 850 detidos.

As autoridades indonésias não revelaram até agora o número de feridos nem de possíveis vítimas mortais do motim.

jacarta indonésia fuga prisão presos motim sumatra
Ver comentários