Barra Cofina

Correio da Manhã

Mundo

Mulher degolada pelo ex-namorado à frente da filha. É a 47.ª vítima de violência doméstica este ano em Espanha

Com uma ordem de restrição, o homem entrou em casa da vítima de madrugada. Matou-a na casa onde se encontrava a filha de ambos, de 11 anos.
SÁBADO 22 de Outubro de 2019 às 10:44
Violência doméstica
Violência doméstica FOTO: Direitos Reservados
Uma mulher de 44 anos morreu esta terça-feira em Alicante, Espanha, após ser degolada pelo ex-namorado em casa. A filha de ambos, de 11 anos, encontrava-se em casa no momento em que a mãe foi assassinada. Segundo fontes da Polícia Nacional, citadas pelo El País, o alegado assassino tinha uma ordem de restrição da vítima. Foi detido no mesmo dia.

A mulher, de nacionalidade russa, torna-se assim na terceira mulher assassinada no espaço de três dias em Espanha. 

Cerca das quatro da manhã desta terça-feira o agressor, de 54 anos, terá entrado, sem consentimento, em casa da mulher. De acordo com o El Mundo, utilizou uma escada e entrou por uma das varandas da habitação. As autoridades dirigiram-se ao local depois de terem recebido uma chamada de uma vizinha que alertou ter ouvido gritos. 

Segundo fontes da investigação, a vítima tinha denunciado o homem, também de nacionalidade russa, no passado dia 1 de outubro. Depois da denúncia tinha sido emitida uma ordem de restrição. 

Este ano foram mortas em Espanha pelos companheiros ou ex-companheiros 47 mulheres. Estes crimes deixaram 34 crianças orfãs. Outros quatro casos estão ainda a ser investigados. Desde 2003 morreram 1.023 mulheres vítimas de violência doméstica no país.
Espanha Alicante Polícia Nacional El País crime lei e justiça crime homicídio questões sociais maus-tratos
Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)