Mulher fica com a cara deformada após emboscada racista

Vítima ficou com lesões faciais muito graves.
30.11.17

Uma mulher foi agredida verbalmente, esmurrada e pontapeada por três homens quando estava caminhar em direção a casa, na Lady Ann Road em Batley, West Yorkshire, Inglaterra. Nikki Hurst, de 32 anos, abriu a cabeça e ficou com uma cicatriz enorme na testa.

Segundo os media britânicos, a polícia descreveu o ataque como "racialmente agravado", visto que tudo começou com insultos verbais. Nikki disse às autoridades que caiu no chão, batendo com a cabeça e rachando a testa. A emboscada ocorreu perto do complexo comercial Mill Outlet, no dia 31 de outubro, às 06h45 da manhã.

"Este foi um incidente terrível que deixou a vítima com lesões muito graves", afirmou o inspetor Mark Atkinson, da polícia de West Yorkshire. "Nós temos estado em contacto permanente com a vítima para conseguirmos investigar afincadamente o incidente", acrescentou.

As autoridades deixaram um apelo para que as pessoas que circulavam naquela rua, naquele momento, se dirigissem ao posto para prestar depoimento e ajudar a encontrar os três homens. 

pub

pub

Ver todos os comentários
Para comentar tem de ser utilizador registado, se já é faça
Caso ainda não o seja, clique no link e registe-se em 30 segundos. Participe, a sua opinião é importante!