Barra Cofina

Correio da Manhã

Mundo
6

Mulher morre cinco dias depois de se arranhar no jardim

Médicos detetaram septicemia tarde de mais.
3 de Outubro de 2016 às 19:28
Lucinda Smith tinha dois filhos
Lucinda Smith tinha dois filhos FOTO: Direitos Reservados
Uma mulher morreu com uma septicemia cinco dias depois de se ter arranhado na mão enquanto tratava do jardim, no Essex, Reino Unido, avança o Daily Mail.

Lucinda Smith, de 43 anos, começou a sentir uma dor no ombro dois dias depois de se ter magoado. Recorreu ao médico de família que lhe receitou medicamentos para relaxar e para as dores.

Sentindo-se a piorar, Lucinda foi até aos serviços de urgência locais e pediu ajuda. Através de uma análise ao sangue, a mulher descobriu que tinha desenvolvido uma septicemia.

Acabou por ser internada em estado grave e morreu dois dias depois.

A irmã da vítima, Caroline, não se conforma e diz que tudo teria sido evitado se tivessem feito análises ao sangue no primeiro momento.

Mãe de Megan e George, Lucinda morreu com uma infeção generalizada grave que se espalha por todo o corpo, causando sintomas como febre. A septicemia tem cura mas o tratamento tem de ser efetuado o mais rápido possivel para combater a infeção.
Reino Unido Lucinda Smith Caroline Megan George saúde doenças
Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)