Vestidas com roupas tradicionais do país, as japonesas que se casaram nos últimos doze anos são convidadas a participar deste ritual, que acreditam que lhes trará fertilidade e felicidade conjugal. 

O festival, cada vez mais considerado uma atração turistíca, tem como principal emblema o pénis gigante, símbolo da 'sorte' no casamento. 

"Hodare", que significa "genitais masculinos", é um tipo de festividade e de ritual muito comum no Japão, celebrado há seculos e em várias localidades do país asiático.