Traficante 'El Chapo' considerado culpado em julgamento nos EUA

A decisão foi tomada ao sexto dia de deliberações. Jurados decidiram acerca de dez acusações separadas.
12.02.19
O júri presente no julgamento do traficante de droga Joaquín "El Chapo" Guzman já chegou a um veredicto. A decisão foi anunciada ao sexto dia de deliberações e El Chapo foi dado como culpado, avança a Reuters. 

"El Chapo" está a ser julgado num tribunal federal em Brooklyn. As testemunhas foram ouvidas ao longo de quase três meses e os jurados terão que decidir sobre dez acusações separadas. 

Os mais insólitos segredos revelados durante o julgamento de El Chapo

Aviões carregados de dólares, uma casa com jardim zoológico, tratamentos na Suíça e barcos que desapareceram sem deixar rasto. A vida de Guzmán está a ser revelada pelas testemunhas de acusação do líder do cartel de Sinaloa. 


Além das provas recolhidas, os procuradores contam com o testemunho de 14 antigos colaboradores de "El Chapo", que abordaram a forma como o traficante usava a violência contra os inimigos do seu cartel, que terá feito entrar 200 toneladas de droga nos Estados Unidos ao longo de duas décadas. 

Malaguetas e pescarias: como a droga de El Chapo entrava nos EUA

O julgamento de Joaquin " El Chapo" Guzman, um dos narcotraficantes mais conhecidos do México e antigo líder do cartel de Sinaloa, arrancou a 13 de Novembro e deverá durar mais algumas semanas.

A defesa de "El Chapo" alega que quem agora o denuncia o está a usar como bode expiatório dos seus próprios crimes. 

Chupa-chupa e El Gordo tramaram El Chapo em tribunal

"Chupa-chupa", um antigo barão da droga da Colômbia, testemunhou em tribunal contra El Chapo no tribunal federal de Brooklyn. Juan Carlos Ramirez Abadia, o detentor da alcunha, contou ao júri ter usado o cartel de Sinaloa, liderado por Joaquin "El Chapo" Guzman, para mover mais de 440 toneladas de droga.


pub

pub

Ver todos os comentários
Para comentar tem de ser utilizador registado, se já é faça
Caso ainda não o seja, clique no link e registe-se em 30 segundos. Participe, a sua opinião é importante!