Barra Cofina

Correio da Manhã

Mundo
1

Nenhum candidato eleito na primeira votação em Itália

O parlamento italiano iniciou nesta quinta-feira a escolha do novo Presidente da República, mas após a primeira votação nenhum candidato conseguiu a maioria de dois terços necessária.

 

 

18 de Abril de 2013 às 13:32

Nesta primeira ronda, o mais votado foi Franco Marini, o candidato apresentado pelo Partido Democrata (esquerda) e apoiado pela direita de Silvio Berlusconi.

Marini, ex-sindicalista e antigo presidente do Senado, tem 80 anos.

A partir da quarta votação, a maioria absoluta (504 votos) é suficiente para a eleição do Presidente. Nesta quinta-feira deverá realizar-se mais uma votação.

O Chefe de Estado italiano é escolhido por uma assembleia de "grandes eleitores", constituída pelos 315 senadores, pelos 630 deputados e por 62 delegados das 18 regiões do país, num total de 1.007 votantes.

itália presidente pr partido democrata parlamento eleições
Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)