Barra Cofina

Correio da Manhã

Mundo
4

Nigéria: 17 mil fogem de conflito entre religiões

Mais de 17 mil pessoas foram forçadas a abandonar as suas casas na cidade de Jos, na região centro da Nigéria, devido aos recentes conflitos entre cristãos e muçulmanos.
21 de Janeiro de 2010 às 20:08
Nigéria: 17 mil fogem de conflito entre religiões
Nigéria: 17 mil fogem de conflito entre religiões FOTO: EPA

Abdul Umar, representante da Cruz Vermelha na cidade, avançou que muitos habitantes sofreram ferimentos de bala ou resultantes de machadadas.

Umar acrescenta ainda que a violência eclodiu no domingo e já terminou, mas muitos corpos continuam espalhados pelas ruas, tornando-se impossível dizer ao certo quantas pessoas perderam a vida durante os confrontos.

Para permitir aos habitantes de Jos a recolha de comida e água, as autoridades suspenderam, durante 24 horas, o recolher obrigatório, o que pode permitir o regresso dos que conseguiram fugir dos choques. O exército tem tentado garantir a estabilidade, efectuando patrulhas nas ruas.

O toque de recolher tem dificultado a contagem do número de mortos e feridos, mas as estimativas apontam para que pelo menos 65 cristãos e 200 muçulmanos tenham perecido.

As organizações de ajuda humanitária referem que muitos dos que fugiram da violência procuraram abrigo em quartéis militares e edifícios públicos.

A Cruz Vermelha salienta ainda que os seus trabalhadores começaram a tratar dos feridos na quarta-feira, depois dos primeiros enfermeiros serem autorizados a entrar na cidade, sob a protecção das forças de segurança.

Localizada no centro do país, a cidade de Jos encontra-se dividida em duas partes: a norte é ocupada por uma maioria muçulmana e a sul dominada por cristãos.

Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)