Pó branco que contaminou nora de Trump era amido de milho

Carta era dirigida a Donald Jr, marido de Vanessa Trump.
12.02.18

A nora de Donald Trum foi hospitalizada esta segunda-feira depois de abrir um envelope que continha pó branco.

De acordo com a Fox News, Vanessa Trump abriu uma carta, entregue pelas 10h00 locais, no apartamento do casal em Manhattan, Nova Iorque, que era dirigida ao marido, Donald Trump Jr., filho do Presidente dos Estados Unidos. A nora do repúblicano terá sentido náuseas e teve um ataque de tosse após abrir o envelope, no entanto, nada indica que tenha corrido algum perigo.

Vanessa Trump, assim como outras duas pessoas - das quais ainda não se sabe a identidade - foram descontaminadas pelos bombeiros no local e hospitalizadas por precaução.

Posteriormente, o The New York Times, reportou que as autoridades determinaram que a substância era amido de milho, uma farinha feita a partir daquele cereal, para usos culinários.

Reação de Donald Trump Jr.
Várias horas depois do incidente, Donald Trump Jr. condenou, através do Twitter, a forma "verdadeiramente nojenta" como "certos indivíduos escolhem exprimir as suas opiniões contrárias através de comportamentos perturbantes", adiantando que a mulher e os filhos "estão a salvo após a situação incrivelmente assustadora que ocorreu esta manhã".


pub

pub

Ver todos os comentários
Para comentar tem de ser utilizador registado, se já é faça
Caso ainda não o seja, clique no link e registe-se em 30 segundos. Participe, a sua opinião é importante!