Barra Cofina

Correio da Manhã

Mundo
9

Noruega: Breivik tem "esquizofrenia paranóide"

Uma comissão especial designada pela justiça norueguesa confirmou esta quinta-feira o diagnóstico psiquiátrico feito em Novembro a Anders Behring Breivik, autor dos ataques que fizeram 77 mortos na Noruega, o que deve evitar que fique preso.
22 de Dezembro de 2011 às 13:32
Anders Breivik sentiu-se ofendido com o diagnóstico dos psiquiatras, agora validado pela comissão
Anders Breivik sentiu-se ofendido com o diagnóstico dos psiquiatras, agora validado pela comissão FOTO: Lusa

"Não há nenhuma objecção à conclusão" do relatório psiquiátrico de 29 de Novembro que declarava que Behring Breivik tem "esquizofrenia paranóide", disse o presidente da comissão, Karl Heinrik Melle, citado pela agência NTB.

Actualmente em detenção provisória, Behring Breivik, de 32 anos, espera o início do julgamento a 16 de Abril.

As conclusões do exame psiquiátrico devem impedir que Breivik fique na prisão, devendo no entanto ficar internado num estabelecimento para receber cuidados psiquiátricos.

Segundo o procurador, Behring Breivik sentiu-se ofendido quando soube a opinião dos psiquiatras.

Hostil ao islamismo e ao multiculturalismo na Europa, Behring Breivik fez explodir uma bomba perto da sede do governo norueguês no passado dia 22 de Julho e depois disparou, na ilha de Utoya, perto de Oslo, contra jovens que participavam numa iniciativa da juventude trabalhista. Matou 77 pessoas.

Behring Breivik reconheceu a autoria dos ataques, mas recusou declarar-se culpado.

Ver comentários