Barra Cofina

Correio da Manhã

Mundo
9

Nova violação do espaço aéreo em Washington

Caças norte-americanos interceptaram segunda-feira uma avioneta que violou o espaço aéreo restrito da capital dos EUA, Washington, disparando o alerta no Senado que acabou por ser evacuado durante alguns minutos.
24 de Maio de 2005 às 08:26
Violação do espaço aéreo restrito causou alarme no Senado
Violação do espaço aéreo restrito causou alarme no Senado FOTO: d.r.
Este novo incidente de violação do espaço aéreo restrito da cidade ocorreu duas semanas depois de outro pequeno avião particular ter sobrevoado uma área proibida, obrigando a avecuar a Casa Branca e o Congresso.
Tal como aconteceu no passado dia 11 de Maio, o avião privado, um Cessna, foi interceptado por caças da Força Aérea e o seu piloto obrigado a aterrar numa pista do Estado vizinho do Maryland, segundo revelaram fontes militares.
Entretanto, fontes oficiais anunciaram que as autoridades decidiram revogar a licença de voo de Hayden Sheaffer, o piloto que violou o espaço aéreo restrito da capital norte-americana no passado dia 11 de Maio.
Um porta-voz da Administração Federal de Aviação afirmou que a medida reflecte a seriedade com que estão a ser encaradas as violações do espaço aéreo restrito, assinalando que Sheaffer não estava devidamente preparado para pilotar e cometeu inúmeros erros operacionais e de julgamento.
Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)