Barra Cofina

Correio da Manhã

Mundo

Novo atentado no Paquistão

Um dia depois do atentado suicida no Hotel Marriot, em Islamabad, capital do Paquistão, uma bomba explodiu ontem numa mesquita muçulmana xiita em Peshawar causando a morte a pelo menos 15 pessoas, entre as quais o chefe da polícia local. A explosão feriu ainda 35 pessoas.
28 de Janeiro de 2007 às 00:00
Segundo as autoridades paquistanesas, a maior parte das vítimas são polícias e funcionários municipais que estavam a tentar evacuar uma via central na zona movimentada da cidade para a passagem de uma procissão de xiitas.
Fazal Wadood, um responsável da polícia local, descreveu que as ambulâncias circulavam em grande velocidade para o local porque estavam muitas pessoas feridas, desconhecendo-se ainda exactamente quantas foram as vítimas da explosão. Contudo, as autoridades já confirmaram que o chefe da polícia local, Sharif Virk, se encontra entre as vítimas mortais.
Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)