Barra Cofina

Correio da Manhã

Mundo
6

Obama pede respeito "urgente" pelo cessar-fogo no Iémen

Trégua entrou em vigor na terça-feira e é violada diariamente.
19 de Dezembro de 2015 às 00:50
Barack Obama, presidente dos Estados Unidos da América
Barack Obama, presidente dos Estados Unidos da América FOTO: Reuters
O Presidente norte-americano considerou esta noite "urgente" que seja respeitado o cessar-fogo no Iémen, diariamente violado desde que entrou em vigor na terça-feira, para reduzir significativamente o conflito que opõe governo e rebeldes.

Barack Obama frisou, num contacto telefónico com Mansour Bin Zayed Al Nahyan, da família real de Abu Dabi (Emirados Árabes Unidos), "a necessidade urgente de que todas as partes respeitem o cessar-fogo no Iémen", segundo um comunicado da Casa Branca.

A trégua no Iémen, para ajudar nas negociações de paz na Suíça, parece ter sido quebrada com uma ofensiva das forças leais e com ataques com mísseis dos rebeldes sobre a vizinha Arábia Saudita.

O cessar-fogo começou no início das negociações, sob a égide da ONU, entre o poder instituído (apoiado numa coligação militar liderada pela Arábia Saudita) e os rebeldes, apoiados pelo Irão, numa tentativa de encontrar uma saída para mais de oito meses de conflito.

Nas reuniões de sexta-feira os representantes dos rebeldes não estiveram presentes, ficando agendada para hoje nova reunião.

Na sexta-feira foi noticiado que forças iemenitas treinadas pela Arábia Saudita capturaram a capital da província de Jawf, a segunda cidade rebelde a cair em 24 horas, apesar do anunciado cessar-fogo, segundo fontes tribais citadas pela agência France Presse.

As tropas leais ao Presidente Abedrabbo Mansour Hadi capturam Hazm (noroeste) depois de avanços importantes na região vizinha de Marib (noroeste), com o apoio aéreo da coligação liderada pelos sauditas, segundo as fontes.
Barack Obama Estados Unidos Iémen distúrbios guerras e conflitos cessar-fogo
Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)