Barra Cofina

Correio da Manhã

Mundo
1

Ocidente enfrenta dificuldades em cortar o financiamento do Estado Islâmico

Geram receitas através de extorsões, raptos e contrabando de petróleo e antiguidades.
18 de Setembro de 2014 às 03:07
'Jihadistas' operam como uma 'máfia', descrevem os analistas
'Jihadistas' operam como uma 'máfia', descrevem os analistas FOTO: EPA

Os governos do Ocidente enfrentam uma difícil batalha para enfraquecer o financiamento do Estado Islâmico, já que os 'jihadistas' operam como uma 'máfia', descrevem analistas citados pela AFP.

Ao contrário da Al-Qaida, financiada quase exclusivamente com doações privadas, o Estado Islâmico controla uma vasta área na Síria e no Iraque que lhe permite gerar receitas através de extorsões, raptos e contrabando de petróleo e antiguidades.

Assim, o ataque financeiro torna-se muito mais difícil para os países ocidentais, em comparação com o que acontecia às contas da Al-Qaida, afirma Evan Jendruck, um analista da consultora IHS Jane.

ocidente financiamento estado islâmico
Ver comentários