Barra Cofina

Correio da Manhã

Mundo
9

Ocupado segundo aeroporto de Banguecoque

Milhares de manifestantes que exigem a demissão do executivo liderado pelo primeiro-ministro tailandês, Somchai Wongsawat, ocuparam esta quinta-feira o segundo aeroporto da capital da Tailândia, Banguecoque, onde o governo tinha instalado temporariamente a sua sede.
27 de Novembro de 2008 às 08:54
Ocupado segundo aeroporto de Banguecoque
Ocupado segundo aeroporto de Banguecoque FOTO: d.r.

A ocupação do aeroporto Don Muang ocorre um dia depois de milhares de outros manifestantes terem forçado ao encerramento do principal aeroporto que serve a capital tailandesa, Suvarnabhumi, levando à suspensão de dezenas de voos, entre partidas e chegadas.

As manifestações contra o primeiro-ministro tailandês, que pretendia avançar com alterações à Constituição, estão a ser lideradas pela Aliança do Povo para a Democracia (PAD), principal coligação da oposição, que promete manter os protestos nas ruas até conseguir a demissão de Somchai Wongsawat.

A crise política na Tailândia teve início após as eleições parlamentares realizadas em 2007, de que saiu vencedora a mesma força política do antigo primeiro-ministro Thaksin Shinawatra, cujo governo tinha sido deposto, um ano antes, por um golpe militar.

Esta quinta-feira, o porta-voz do Exército desmentiu rumores sobre a iminência de um novo golpe de Estado. "O Exército deslocou blindados por razões estratégicas. Posso confirmar que não há golpe de Estado e que o Exército não está alerta", declarou o coronel Sunsern Kaewkumnerd.  

Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)