Barra Cofina

Correio da Manhã

Mundo
6

Opositor condenado

Principal rival do presidente Vladimir Putin sentenciado a 5 anos de prisão por corrupção
19 de Julho de 2013 às 01:00

O advogado e ativista russo Alexei Navalny, principal figura da oposição ao presidente Vladimir Putin, foi ontem condenado a cinco anos de corrupção num julgamento por muitos considerado como meramente político.

Navalny, que liderou em 2011 e 2012 as maiores manifestações pró-democracia desde a queda do comunismo, foi condenado por, alegadamente, ter liderado uma conspiração para desviar fundos de uma empresa madeireira na região de Kirov, onde trabalhou como consul-
tador do governo regional em 2009. A sentença impede Navalny de se candidatar à câmara de Moscovo nas municipais de setembro e às presidenciais de 2015, nas quais era visto como sério concorrente de Putin.

Ao conhecer o veredicto, o opositor, de 37 anos, apelou no Twitter aos apoiantes para "não ficarem sentados" e prosseguirem com
a luta, e os principais grupos da oposição convocaram desde logo manifestações de protesto em Moscovo.

A embaixada dos EUA na capital russa e a UE condenaram fortemente a prisão de Navalny, vista como mais uma tentativa do Kremlin para silenciar a oposição.

RÚSSIA JULGAMENTO NAVALNY
Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)