Barra Cofina

Correio da Manhã

Mundo
4

Pai de meninas desaparecidas em Tenerife terá drogado as crianças antes de as matar

Tomás Gimeno terá assassinado as filhas na sua casa.
Correio da Manhã 11 de Junho de 2021 às 13:17
Olivia e Anna de seis e um ano
Olivia e Anna de seis e um ano FOTO: Twitter
As buscas por Olivia e Anna, as duas irmãs que desapareceram em Tenerife, raptadas pelo pai, tiveram esta quinta-feira novos desenvolvimentos. O corpo de Olivia, a menina mais velha, de seis anos, foi encontrado pelas autoridades. 

A investigação liderada pela Guardia Civil procura agora no fundo do mar os corpos de Anna, de apenas um ano, e do pai, Tomás Gimeno 

As autoridades suspeitam que o homem de 37 anos tenha drogado as filhas antes de as matar. Os investigadores encontraram várias embalagens de medicamentos na sala de jantar da casa do homem e acreditam que terá sido aí que Gimeno assassinou as filhas, segundo vários meios de comunicação espanhóis. Ao que tudo indica, estes medicamentos eram usados por si para recuperar de uma lesão recente na clavícula e costas.   

Após a descoberta do corpo de Olivia, as redes sociais encheram de mensagens de solidariedade dirigidas a Beatriz, mãe das meninas sequestradas. A mulher mantinha a esperança que este rapto não passasse de um teatro encenado por Gimeno para a assustar e que as duas filhas estivessem em segurança.
Olivia Anna Tenerife Tomás Gimeno crime lei e justiça questões sociais investigação crime rapto
Ver comentários